Bandari

As pessoas da província Hormusgão na costa do Golfo Pérsico, no Sul do Irão, são conhecidas por Bandari (bandar, em persa, significa porto). Desde 2000 a.C que esta região é um entreposto comercial, resultando numa mistura de etnias e culturas, incluindo africanos, persas, árabes e indianos, dos quais os Bandari descendem.

As mulheres Bandari usam boregheh (máscaras) há séculos. As raízes desta tradição são desconhecidas, mas julga-se que este costume começou quando os portugueses chegaram ao estreito de Ormuz e as mulheres começaram a cobrir a cara para que os mercadores de escravos não descobrissem as mais bonitas.

Bandari3

Mulher bandari, no mercado de Panjshambe em Minab, a fumar o qalyan, o cachimbo de água iraniano

Além de fazerem parte da sua religião e cultura, as máscaras ajudam as mulheres a manter uma tez mais clara, protegendo-as do sol forte que se faz sentir, uma vez que, nesta região, os homens preferem compleixões mais pálidas porque a pele escura remonta aos escravos.

Existem muitos tipos de máscaras. Podem ser feitas de pele ou algodão brocado. Umas cobrem completamente a cara, outras são mais pequenas e revelam mais os olhos, mas todas cobrem parte da testa e o nariz. Os locais conseguem reconhecer a aldeia, estatuto ou origem da mulher pela cor e forma da máscara. São usadas tanto por xiitas como sunitas.

Bandari4

Mulher bandari, no mercado de Panjshambe em Minab

Em Bandar-Abbas as máscaras pretas são usadas por raparigas a partir dos 9 anos, as laranjas pelas que estão noivas e as vermelhas destinam-se às mulheres casadas. As máscaras com ornamentos dourados são usadas em casamentos ou por mulheres das classes mais altas.

Bandari6

Ilha de Hengam, Qeshm (Ormuz)

As máscaras são feitas à medida. As costureiras guardam os moldes e as medidas das suas clientes habituais porque as máscaras têm de servir perfeitamente para que a visão não seja obstruída. A dobra, ou saliência, por cima do nariz é feita com espátulas de madeira ou pauzinhos de gelado.

Bandari2
Bandari5

Mercado de Panjshambe em Minab

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: